segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Olá Conectados!!!

Vamos falar de O velho e o mar? Vamos!? 


https://2.bp.blogspot.com/-9lP4qeymoC8/V9b2iIjBVuI/AAAAAAAADq8/iqU2GwW9XVgFL_PnxAd_bnEnj6CaoGEfQCLcB/s320/14328826_1087431761310175_1967834480_n.jpg

  Escrito por Ernest Hemingway, em Cuba, em 1951 e publicado em 1952. Lançado aqui no Brasil em 2005, pela editora Bertand-Brasil. Foi a última grande obra de ficção de Hemingway a ser publicada ainda durante sua vida. Com menos de 140 páginas, te leva a uma história incrível e reflexiva.

Eu comprei esse livro Na Shakespeare And Company em Paris e foi muito emocionante para mim. Pois, nessa livraria mágia ( que inclusive mostrei lá no youtube) há varias fotos do próprio Hemingway frequentando o lugar.



Ernest Hemingway foi uma figura muito importante para a literatura. Não é à toa que Hemingway foi Nobel em 1954. 



Em "The old man and the sea" Hemingway narra de forma tão limpa, direta e forte, a jornada de um velho pescador no mar, durante longos dias. 
Após mais de 80 dias sem pescar, o homem - chamado Santiago - volta ao mar na esperança que seu período de infortúnio tenha passado. 
Em seu 85º dia de trabalho sem sucesso, idas e vindas, sem pescar um único peixe, Santiago retorna ao mar confiante que ainda é capaz de voltar com algo bom. 

Ele consegue pescar peixe enormeeee. Um espadarte de aproximadamente 5 metros, maior que o próprio barco.
 Mas, a resistência do peixe arrasta o velho cada vez mais para alto mar e, a partir daí, tem início uma longa disputa entre homem x natureza.
 Santiago, já idoso, sofre pelas condições difíceis de estar no mar e com as feridas adquiridas na  luta com o peixe. 

https://1.bp.blogspot.com/-4rxHs56ADOQ/V9b2rvoy-9I/AAAAAAAADrA/WqGSXHN1wi8ryPLM6CShWFcLzh7hPa8YACLcB/s320/14341765_1087432437976774_1781526747_n.jpg

O livro apresenta uma reflexão profunda sobre a vida do pescador, dos conflitos internos em relação ao que seria certo e ou não, na relação entre homem X natureza, e a própria exclusão social que a velhice causa.
Para dar mais peso a esse romance há a presença de um menino, Manolin, que ama o #velho e o incentiva a pescar. Apesar de sua família ser contra à vontade que o menino tem de ir para o mar com Santiago, pois o consideram um "sem sorte" por seus longos dias de insucesso; o menino ama profundamente o idoso.
A essência da história está na luta pela sobrevivência do homem contra a natureza, levando a percepção de que apenas a experiência não é suficiente, que é necessário sorte e perseverança também.
Um livro belíssimo, fácil de ler e totalmente comovente, por vários aspectos. A injustiça da própria vida observada de vários ângulos, mesclada à garra e à força de vontade de quem não desiste jamais.

0 comentários:

Postar um comentário

 
© Histórias de uma Coffebooklover - 2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Thay Atallah.
Tecnologia do Blogger.