segunda-feira, 16 de maio de 2016

Impressões sobre o livro O Orfanato da Senhorita Peregrine (5 Razões)

 Olá Conectados!

 Eu gosto muito de indicar livros divertidos, porque sempre penso que esse tipo de livro pode agradar tanto Leitores em Processo (grau 2), como Leitores mais Fluentes (grau 3).



 O Orfanato da Senhorita Peregrine para Crianças Peculiares,  de 
Ransom Riggs, é um desses livros que exige pouco de nós, mas que desperta muita curiosidade durante toda a leitura. 


 Tanto o título como o projeto gráfico são muito interessantes, já que o leitor, no primeiro momento, não é capaz de definir se a obra corresponde à ficção ou terror. Eu postei no youtube um vídeo indicando 5 motivos para que você leia esse livro.

 Você pode assisti-lo aqui, clicando aqui, no link que leva ao youtube, ou  aqui no final da postagem.

 Um pouco sobre o enredo...



 
 O livro conta a história de Jacob, um adolescente de 16 anos, chato pacas, que vive de mi mi mi e reclamando da vida. Nas primeiras páginas, eu quase desisti da leitura porque o personagem principal não estava me agradando.

 Porém, apesar da chatice de Jacob, ele é muito ligado ao avô que sempre gostou de contar histórias sobre sua infância. E essas histórias são bem curiosas e dão aquele Up  para que a leitura se torne encantadora . Por ter sido um menino órfão e refugiado judeu de guerra, o avô cresceu em um orfanato, numa ilha remota do País de Gales. 

 Jacob sempre ouviu de seu avô histórias fantásticas sobre esse lar. As crianças que moravam ali seriam peculiares ( teriam poderes) e o orfanato seria supostamente protegido por uma Ave.  Por aí o leitor já pode ter uma ideia de que tipo de ficção encontrará para frente.

  O adolescente , na companhia do pai, acabará indo visitar a pequena cidade onde existiu esse orfanato. Será justamente aí que a aventura começará no livro. A fim de descobrir pistas sobre a veracidade dos fatos relatados pelo avô, Jacob embarcará numa incrível jornada por respostas.

 Essa é uma história, divertida, cheia de aventura, com uma narrativa bem sedutora e que mostrará uma agradável evolução no comportamento e personalidade do personagem central.



 Esse é um romance que mistura ficção e fotografia, o que torna tudo mais legal, ao menos para mim, já que consigo visualizar as peculiaridades citadas. Outra coisa bastante positiva que vejo nessa leitura é que não é uma fantasia do tipo too much, do tipo mega super poderes. Entendem? 

  No próprio livro essas peculiaridades não são chamadas de super poderes e é bem normal nos pegarmos pensando: "Ah, ok! Esse poder seria possível"...

 Eu recomendo essa leitura para quem quer se divertir lendo. Ela cumpre o que promete,  tanto a leitores em progresso como a leitores mais fluentes; não pelo texto em si, mas pela premissa da história.  Se você quiser saber meus 5 motivos para ler esse livro, eles estão no vídeo abaixo. =)
  




Contem me aí nos comentários o que vocês acharam desse livro! =D

1 comentários:

  1. Eu tô na maior fissura de ler esse livro. Tava com medo de ser ruim porque vi que não era terror, mas agora fiquei com mais vontade de ler. Valeu!

    ResponderExcluir

 
© Café da Alice - 2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Thay Atallah.
Tecnologia do Blogger.