segunda-feira, 13 de julho de 2015

Da Série Cafeterias Tradicionais... Confeitaria Colombo no Rio de Janeiro!


Foto - Reprodução - Trip Advisor

 Quem viaja ao Rio de Janeiro tem infinitas opções de lugares e coisas para ver ou conhecer, sempre! Não há como ir ao Rio e aproveitar tudo que ele oferece em uma única visita. É preciso voltar! (O que é um ótimo argumento para programar a próxima viagem) :)



 Visitar a Confeitaria Colombo no Centro do Rio de Janeiro (R. Gonçalves Dias, 32/36), deve fazer parte de um roteiro  que una afinidade por arquitetura, design, história e gastronomia.  Já adianto: Não vá à Colombo somente para comer. Se for esse o motivo, o Rio de Janeiro oferece diversas opções gastronômicas com comida similar ou melhor, com preços muito melhores.



 Confesso que quando cheguei ao lugar fiquei meio desapontada. Eu me lembrei da música Sampa de Caetano "É que quando eu cheguei por aqui eu nada entendi" Pensei faltar um pouco de ritual, coisas que só quem compreende Sampa do Caetano entenderia, rss Eu explico. As portas abertas, filas, gente entrando e saindo, comendo no balcão, e tudo tão informal. Penso que eu esperava a elegância das portas que se abrem e o maître te recebe com toda pompa, como no café Tortoni de Buenos Aires, outro centenário. 

Foto - Google - Reprodução

 Porém, foi só eu realmente entrar e me deparar com aquela claraboia e detalhes do teto para iniciar um processo delicioso de apreciação. Tive que buscar uma foto no google para reproduzir aqui um ângulo perfeito, pois as minhas fotos não tem nenhum critério profissional, só a intenção de mostrar a vocês.



 Contudo, quando buscamos pela confeitaria na internet, dá para perceber muita gente reclamando dos preços. Qualificam como absurdo o que se paga no suco, na coxinha, no wafle, no buffet de almoço e etc. Mas, eu penso que  quando você pede um prato ali, qualquer que seja ele, você está incluindo no pacote uma divertida viagem através do tempo.

 Conhecer um pouco do passado do Rio de Janeiro e imaginar mais de um século de historia. Contemplar os imponentes espelhos belgas, os moveis confeccionados em jacarandá e as bancadas de mármore italiano. A decoração em estilo Belle Époque traz o charme dos mais de 120 anos. Imagine quantas personalidades celebres (poetas, músicos, políticos, intelectuais e artistas) tiveram bate papos regados a um bom café, nesse salão.


 Obviamente que com toda essa bagagem cultural a Colombo não poderia ser qualquer confeitaria antiga. Ela é Patrimônio Histórico e Cultural do Rio de Janeiro. Não precisa ser cafeteriomaníaco como eu para ficar encantado. Precisa apenas observar cada detalhe.  O prédio muito bem conservado. As vitrines, os balcões, mesas, espelhos, salões e louças relembram a época áurea do Rio de Janeiro.




 Quanto à comida, eu considero o preço bem coerente. Pedi um Wafle Especial e um café gelado (NA COLOMBO, não esqueçamos) que saíram por volta de R$35,00 (junho de 2015). As pessoas que estavam comigo também gastaram um pouco menos pedindo café expresso, suco e um doce. O meu wafle estava delicioso. Na verdade, foi o melhor que já comi. Era de presunto, queijo e molho. Mas, a grande estrela é a massa fofinha, leve e muito saborosa. Ah, e bem grande! Não dei conta. O café gelado era normal, nada demais.




 Dessa forma, vá à Confeitaria Colombo e compre o pacote: comida, beleza, arquitetura, historia e observação deliciosa de uma manhã ou tarde na rotina dos cariocas. Eu fui no sábado de manhã, após o café colonial que se encerra às 11:00h; e o movimento é constante. Ao meio dia, os garçons que foram super simpáticos, começam a prender as bolsas na cadeiras. Momento meio tenso para uma Catarina, rss. Porém, um zelo válido já que as portas são abertas e o centro do RJ, como qualquer cidade grande, requer cuidados e atenção com os pertences.

 Por hoje é isso, conectados. Como sempre: Não deixem de me seguir nas redes sociais, estão todas aí ao final do post. Ah, se eu voltaria na Confeitaria Colombo? Mas, é claro! Já está programada a minha volta. Quem sabe tomamos um café juntos!? =)






Instagram da Gui e Snapchat @gui_da1up




0 comentários:

Postar um comentário

 
© Histórias de uma Coffebooklover - 2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Thay Atallah.
Tecnologia do Blogger.