quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

Zoo de Lujan na Argentina (Fotos dentro das jaulas dos leões ). Vale à pena ir?!

Quando se trata de Lujan a polêmica é certa!

Um zoológico feito para Brasileiros! Ops, será!? Bom, eu não posso afirmar, mas por tudo que já li e por tudo que conversei com quem mora lá, conclui que os Argentinos aprovam menos a ideia do zoo que a turistada Brasileira.


No entanto, entre os Brasileiros, também há os dois grupos. Aqueles que amam a ideia de entrar na jaula do felino, fazer um carinho e ainda tirar foto; mas há aqueles que odeiam e repudiam a ideia de interferir dessa forma na vida dos animais "selvagens."


Quando se trata da Argentina, especificamente, de Buenos Aires e seus arredores, há um blog incrível que é o Aires Buenos. Eu super recomendo esse blog. O "dono" do site, o Túlio Bragança é brasileiro e reside lá há um bom tempo. Dessa forma o blog é atualizado constantemente e com várias dicas importantíssimas. 


Faz tempo quero dar umas dicas aqui sobre a Argentina. Coincidentemente, hoje, navegando no face do Aires Buenos vi um post de 2013 sobre o Zoo de Lujan. Fui correndo conferir. E quero roubartilhar de lá o post que a Paula Haefeli fez. Até que enfim, um opinião mais imparcial sobre Lujan!




Foto - Reprodução - Blog - Falando de Viagem


No entanto, antes de encaminhá-los para lá, gostaria de dar o meu pitaco sobre esse tema. Euzinha, não sou a favor dessa "interação" com os bichinhos. Calma, eu explico!


Eu não quis visitar Lujan por n motivos. Primeiro, eu não acredito que (mesmo que aquele leite não seja batizado para acalmar os animais)... eu não acredito que esse simples processo de uma multidão diária entrando na jaula para tirar fotos com os animais não estresse os coitados, que são obrigados a ficar com cara de paisagem.


Você pode me dizer que eles são doceis porque são criados com cachorrinhos, que aquela mamadeira só tem leite e que estão acostumados desde pequenininhos a receberem as filas de turistas para tirar foto (como papai noel em shopping).  Porém, não é essa a natureza daquele animal. 


Ele deve ser contemplado de longe, com um lugar grande para se movimentar, correr, rugir, se alimentar, dormirrrr sossegado e etc. Claro que os zoologicos comuns também não tem jaulas com espaço físico suficiente. Mas, alguns tem arvores, sombra e um projeto paisagístico legal. O que não ocorre lá. Percebam que até quem tirou foto e adorou comenta que os bichos pareciam meio dopados. É o caso desse post aqui, do Falando de Viagem.  Tudo bem, mas eu sou ecochata e biodesagradável mesmo. Por isso, indico a leitura mais imparcial do blog do Túlio, com o post da Paula.



 Esquecendo todo esse lado de achar que realmente tem algo estranho na alimentação dos bichos para que eles fiquem lá deitadões esperando serem fotografados, o zoológico fica há 58 km de Buenos Aires. Quer dizer, é longe! Perde se, praticamente, um dia inteiro para ir lá, contando: ida, volta, filas,fotos e alimentação. O caminho é feio e é frequentado 98% por Brasileiros, assim me contaram taxistas, confiáveis, de lá . Qual seria a graça para mim que desaprovo a pratica ir para um lugar, em outro país, e encontrar somente brasileiros? 

 Se estou em outro país quero conhecer a cultura local e ver a diversidade. Enfim... a chata aqui, não acha que valha à pena, se a sua viagem for entre 4 e 7 dias. Prefira passar o dia aproveitando os bosques de Palermo, os museus, o zoologico de Buenos Aires (mesmo), o Planetário, um dia para um city tour no bus turístico ou uma tarde na Livraria El Ateneo. Buenos Aires tem muita coisa para se fazer.

Mas, antes de riscar esse passeio da sua lista, baseada na opinião de quem aqui só sabe que nada sabe, recomendo a leitura desse post aqui: Zoo de Lujan, o post definitivo.



Beijinhos e não se esqueça de me contar a sua opinião.


3 comentários:

  1. ADOREI, CONCORDO EM GENERO, NUMERO E GRAU. SÓ BRASILEIRO ACHA QUE ELES NAO DAO CALMANTE NO LEITE PROS BICHANOS. NAO TO CONSEGUINDO LOGAR AQUI, NAO SEI SE O RECADO VAI. ABRAÇOS, FABIANO

    ResponderExcluir
  2. Pelo que li deste lugar eles dopam mesmo os animais, coisa triste :(

    ResponderExcluir
  3. Eu creio que sim, Fran Zamberlam. Mas, não há provas. Alguns acham que sim, outros acham que não. Bjs

    ResponderExcluir

 
© Histórias de uma Coffebooklover - 2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Thay Atallah.
Tecnologia do Blogger.